• Autoconhecimento e Gratidão

    Por qual motivo, deixamos nossa criança ir embora?

    Uma amiga de infância disse que éramos crianças extremamente inventivas. Concordo demais com o que foi dito, tínhamos jeito e resposta para tudo. Não havia tempo ruim, nossa criatividade era capaz transformar qualquer situação adversa em uma boa oportunidade. Hoje, na idade que me encontro, penso que poderia ser um adulto mais inventivo e criativo. Não sei por qual motivo, acabei por deixar essa “essência” pelo caminho. Sinto uma certa falta daquela forma destemida e totalmente despretensiosa de ser. Em nossa infância somos livres, não conhecemos o impossível, fantasiamos o mundo da melhor forma que conseguimos. “—Viajamos Na maionese”, como se dizia ou julgo ainda dizerem por aí. Eu amava…

  • Amélia. M & Pitter. D

    Escrevo sobre constelações e pintas no seu corpo

    Estava frio e você estava adormecido. Pude contar mais de 100 pintas por todo o seu corpo. De tamanhos irregulares e cores que vão de marrom-claro até quase preto. É a coisa mais linda que já vi em toda minha vida. Como se pudesse desvendar todo seu corpo em braile. Essa imensidão de constelação. Amo seu cheiro!  Ver todo seu corpo coberto por essa meia luz, faz com que me sinta extremamente privilegiado de lhe ter aqui comigo. Nada pode proporcionar mais prazer do que acordar antes de você e avistar seu semblante dormindo tranquilamente ao meu lado.  Prestar atenção na sua respiração, afagar seus cabelos negros como uma noite…

  • Dicas e Receitas

    Incensos Naturais: Uma das melhores experiências que tive

    Faz algum tempo que quero trazer essa dica sobre incensos naturais, por conta da correria do dia a dia, sempre acabei por adiar. Gosto de trazer esse conteúdo para o site, mas requer um investimento de tempo maior. Se soubesse que seria uma experiência tão maravilhosa, teria me esforçado muito mais para conseguir trazer quanto antes. Penso que tudo aquilo que depositamos nossa energia e intenção tende a ser algo sensacional. O melhor da experiência em criar nosso próprio incenso, começa pela caçada as nossas ervas, flores e plantas aromáticas. Acredito que não tenha regra, todos possuímos nossas preferências. Veja os aromas que melhor combinam com você e se entregue.…

  • Meus Dias

    O amor paira no ar

    Gosto dessa época, mesmo sabendo que há uma romantização disfarçada para o comércio. O que verdadeiramente importa são os sentimentos, não só nessa data mais todos os dias.  Aproveite esse clima de amor que paira sobre o ar, deixe se contagiar. Exponha cada vez mais o respeito e admiração pela pessoa amada. Faça surpresas sim! Exageradas e sem limites de imaginação. Sinta o amor no ar!  Permita que o outro chore de emoção e felicidade. Solte boas gargalhadas contando de como quase não deu tempo de terminar a surpresa, pois faltavam alguns minutos para ela(e) chegar. Ou de quando quase foi pego pela fatura do cartão, tudo que havia organizado…

  • Contos e Crónicas

    Eu e a Maria em cima do pé de goiabeira

    Tínhamos 10 anos, 11, talvez.  Todos os dias. Eu e Maria nos pendurávamos em cima do pé de goiabeira. Era nossa maior aventura, não tínhamos medo, só euforia. Todos os dias corria até sua casa, não era longe. — Mariaaaaaaaaaaaa, vamos brincar! Ela vinha correndo, de seguida íamos para goiabeira, brincar de se pendurar. Morávamos no morro, e toda estrada que percorríamos era de terra, mas com mato batido. O morro que morávamos parecia um gramado gigante e nós, crianças amávamos aquilo. Chegávamos na goiabeira que ficava no meu quintal, e lá estava ela nos esperando. Parecia dizer:  — Venham meninos, demoraram hoje, os meus galhos estão cada dia, maiores…