Contos e Crónicas

Os olhos de Ágata

Caiu um cisco, foi muito rápido.

A planta que ficava na sala secou. 

Verdade! Ela secou. Morreu!

Não tem gato miando, nem cachorro latindo.

A lareira não tem lenha. A casa está fria.

No corredor ficaram alguns quadros abstratos que não entende ou não quer perceber aquele homem sozinho em uma ilha.

INSTAGRAM

No banheiro não tem mais espelho, nunca mais teve coragem de colocar outro, sempre acaba por se perguntar o porquê. Talvez não tenha vontade de se olhar.

A cozinha está servindo apenas de lar para muitas caixas de comida congelada. 

O fogão não aquece mais nada. 

A geladeira tem apenas gelo.

Durante as noites chuvosas, ouvem-se vozes, o ranger das portas entreabertas, são como choros que perduram por toda a noite. 

Não tem risada, não tem piada.

A água secou, o solo é infértil.

As paredes outrora irradiavam uma cor feliz, agora estão cobertas de mofo e teias, muitas teias de aranha.

O sol não brilha mais, se brilha, não se pode ver.

Não se ouve mais conversas felizes, não se ouve um diálogo sequer.

A mágoa, ela reina e grita nesse silêncio moribundo.

O perdão tem seus olhos vermelhos.

A raiva já explodiu e deu lugar a algum sentimento que talvez ainda não tenha explicação ou palavra. 

É tensão, não #¿$?%!¡. 

Reina, reina.

Isso tudo pode ser saudade daquela idade. 

Era tanta mais tanta felicidade.

A vida não tem imortalidade.

A morte uma hora vence a validade.

Os olhos de Ágata, em vida, jamais ele vai ver.

A luz de sua vida jamais vai aparecer.

homem de perfil.

Ele sempre se pergunta quais são as regras desse jogo, quem dita esse cenário.

Por onde anda os olhos de Ágata?

Qual a ideia que se tem em dar algo para alguém, quando na verdade por fim em algum momento tencionas retirar?

Em um piscar de olhos tudo leva embora.

É como se desse uma doce para uma criança e arrancassem com toda a brutalidade. 

O que se ganha com isso?

O que se tira disso? 

Ele nunca vai deixar de se perguntar, porque amor de verdade nunca vai se esvair.

Leave a Reply