• Contos e Crónicas

    Tem Dias

    Tem dias que mal tenho forças para escovar meus dentes. Tem dias demasiados cinzentos. Na verdade, em dias como esse mal consigo me olhar no espelho, não sei se pela falta de luz ou por me faltar vida. O tempo aparenta passar de uma forma absurdamente lenta, não tenho vontade de sorrir.  Não tenho forças para apressar esses instantes. Há momentos que me perco. É como se apenas estivesse flutuando no espaço. Flutuando em direção ao infinito, convencendo-me de que em algum momento encontrarei as respostas. Sinto-me extremamente ridículo em dias como esse. A verdade é que nem percebi o momento exato em que essa tristeza invadiu meu corpo. Perdi…

  • Contos e Crónicas

    Ela

    Ela desligou as luzes e veio deitar-se.  O único barulho que era possível ouvir eram as gotas da chuva de outono sobre a janela. Ela deitou em um silêncio que dilacerava minha alma. — Está tudo bem? — Sim, está! E o silêncio novamente pairava pelo ar, eu podia sentir sua respiração um tanto agitada. Não desesperada, mas de uma forma exausta, talvez. — O tempo não parece que vai melhorar! — Não mesmo! Ela se virou de costas!  Confesso que é estranho vê-la desta forma, ela nunca agiu assim.  Nessa mistura de respiração e gotas de chuvas, eu tive coragem de questionar, questionar o inquestionável e tive de ter…

  • Contos e Crónicas

    Os olhos de Ágata

    Caiu um cisco, foi muito rápido. A planta que ficava na sala secou.  Verdade! Ela secou. Morreu! Não tem gato miando, nem cachorro latindo. A lareira não tem lenha. A casa está fria. No corredor ficaram alguns quadros abstratos que não entende ou não quer perceber aquele homem sozinho em uma ilha. INSTAGRAM No banheiro não tem mais espelho, nunca mais teve coragem de colocar outro, sempre acaba por se perguntar o porquê. Talvez não tenha vontade de se olhar. A cozinha está servindo apenas de lar para muitas caixas de comida congelada.  O fogão não aquece mais nada.  A geladeira tem apenas gelo. Durante as noites chuvosas, ouvem-se vozes,…

  • Contos e Crónicas

    O homem que flutuou até tocar o ceú

    O que é ser leve? Tentava ser cada dia mais leve até conseguir tocar o céu. Ele era tão leve que desafiou a física e saiu flutuando. Quando nasceu, sua mãe já sabia que aquele menino era especial.  — Bruxaria! — Gritavam com todo o pulmão. Estúpidos esses Homens limitados, sua mãe soubera que de nada de anormal seu filho tinha. Ele era afrente de seu tempo. Nasceu sem se importar com a opinião dos outros, saiu flutuando assim mesmo, livre e dono de si. O homem que flutuou até tocar o ceú… Totalmente livre! Ser diferente muitas vezes foi visto e infelizmente ainda é por algumas pessoas considerado como…

  • Contos e Crónicas

    Mundo Encantado

    O início de tudo. “É tudo tão lindo e belo aqui!” Sempre quis encontrar fadas, sempre acreditei nelas.  Elas são encantadoras!  Só não sabia que eram assim tão brilhantes e suas asas sempre mudando de cor, nunca imaginei nada igual. Aquilo são unicórnios? O que é isso saem dos seus chifres? São arco-íris? Eles podem fazer arco-íris? Meu Deus! Como isso é possível? É a coisa mais linda que já vi na minha vida! Será que estou sonhando? Os unicórnios podem correr todo esse jardim, é tudo tão incrível. Tantas flores exóticas e que perfume encantador elas exalam! O que tem naquela floresta? São tão coloridas, tantas cores, tanto amor…