• Contos e Crónicas

    O homem que flutuou até tocar o ceú

    Tentava ser cada dia mais leve até conseguir tocar o céu. Ele era tão leve que desafiou a física e saiu flutuando. Quando nasceu, sua mãe já sabia que aquele menino era especial.  — Bruxaria! — Gritavam com todo o pulmão. Estúpidos esses Homens limitados, sua mãe soubera que de nada de anormal seu filho tinha. Ele era afrente de seu tempo. Nasceu sem se importar com a opinião dos outros, saiu flutuando assim mesmo, livre e dono de si. Ser diferente muitas vezes foi visto e infelizmente ainda é por algumas pessoas considerado como algo ruim. Na verdade, qual é o padrão para ser diferente?  Mais sei bem que…

  • Contos e Crónicas

    Mundo Encantado

    “É tudo tão lindo e belo aqui!” Sempre quis encontrar fadas, sempre acreditei nelas.  Elas são encantadoras!  Só não sabia que eram assim tão brilhantes e suas asas sempre mudando de cor, nunca imaginei nada igual. Aquilo são unicórnios? O que é isso saem dos seus chifres? São arco-íris? Eles podem fazer arco-íris? Meu Deus! Como isso é possível? É a coisa mais linda que já vi na minha vida! Será que estou sonhando? Os unicórnios podem correr todo esse jardim, é tudo tão incrível. Tantas flores exóticas e que perfume encantador elas exalam! O que tem naquela floresta? São tão coloridas, tantas cores, tanto amor que saem delas.  —…

  • Contos e Crónicas

    Faça Algo Incrível

    Vontade de viver, gritar. Fazer algo incrível! Cantar, correr e me atrevo a dizer: Quero deixar a chuva cair e com ela molhar-me. Por todo o meu corpo escorrer. Vou saltar dessa montanha. Vou fazer algo incrível. O sol vai me guiar.  Vejo um arco-íris. Não quero ter hora, não sei dos dias, podem ter passado semanas, não penso se irei voltar.  Quem sabe? Eu não sei! Sorrir? Talvez.  Chorar? Não vou negar. Saudades? Existe, porém é necessária. Fazer algo incrível, aos meus olhos, será deslumbrante, inacreditável e encantador. Não quero, nem vou pensar neles.  Meus olhos estão selados para os julgamentos que me cercam. Meus olhos estão arregalados para…

  • Contos e Crónicas

    Mundo em Desencanto

    Parece que as fadas não conseguem mais voar, o brilho delas já não é mais o mesmo. Os unicórnios galopavam todas essas montanhas, agora parecem cavalos tristonhos e presos em suas carroças. Os duendes perderam toda sua energia e já não fazem mais suas travessuras. Os jardins que eles amavam estão secos. A floresta encantada já não é tão mágica assim, ouso dizer que causa até alguns desencantos para aqueles que conseguem encontrá-la. Antes era tudo tão surreal, um mundo de ilusões encantadoras. Agora se tornou tudo tão pacato e normal. As plantas e árvores esbanjavam suas cores vibrantes e neon, no entanto, agora tudo não passa de tons cinza…